Conheça as melhores Dicas de Colírio para quem usa lente de contato

Blog

Colírio para quem usa lente de contato

Quando se trata de saúde dos olhos, não basta vender os melhores produtos. É preciso também saber como o cliente deve usá-los e preservá-los para poder lhes instruir.

Você saberia orientar seus clientes sobre colírio para quem usa lente de contato? Um bom conhecimento sobre a usabilidade das lentes de contato aumenta enormemente a relação de confiança do seu cliente com você e o seu comércio.  

As lentes de contato de grau ou coloridas exigem alguns cuidados que devem ser observados com diligência. A grande maioria dos usuários de lentes aprende rapidamente sobre esta rotina de cuidados, mas há sempre dúvidas sobre lentes de contato que surgem no meio do caminho.

Uma destas dúvidas é sobre colírios, pois, afinal: quem usa lente de contato pode pingar colírio nos olhos? Para responder a esta dúvida, vamos precisar esclarecer algumas coisas antes. 

Colírios não são inofensivos!  

O termo “colírio” tem sido usado de modo muito genérico, camuflando a seriedade que o uso desta substância exige.  É realmente importante que ele seja usado somente com indicação do médico oftalmologista, pois o uso inapropriado de certos colírios pode causa graves danos à saúde.

Há colírios diferentes para necessidades diferentes

Ao contrário do que muitos pensam, nem todos os colírios servem somente para lubrificação dos olhos. É importante que você saiba sobre o tipo específico de colírio para quem usa lente de contato.

Há diversos tipos de colírios no mercado farmacológico, e eles se diferenciam principalmente pela sua função terapêutica. Por exemplo, existem colírios anestésicos, anti-inflamatórios, antialérgicos, antibióticos, antiglaucomatosos e ainda outros. Por isso é vital que sejam usados apenas se houver recomendação médica.  

Os colírios são indicados para tratar desde doenças sérias como infecções bacterianas e glaucomas, até pequenos desconfortos causados por excesso de claridade.

Para se ter uma ideia do risco que se corre por usar um colírio sem indicação ou mesmo com indicação, mas em doses inapropriada, saiba que muitos deles podem levar à cegueira total se usados equivocadamente.  

Essa é geralmente uma solução para pequenos desconfortos temporários. Problemas mais prolongados devem ser encaminhados para o oftalmologista o mais rápido possível.

Colírios para quem usa lentes de contato.

Ajudando na escolha do colírio ideal

Escolher o colírio correto depende de primeiro identificar quais os sintomas que se quer resolver com ele. Para quem tem olhos secos, por exemplo, os colírios lubrificantes podem ser a indicação ideal.

Colírios para alergias e olhos vermelhos costumam conter anti-histamínicos ou um algum agente que mantenha os olhos lubrificados.

Para quem tem vista cansada — uma situação comum para as muitas pessoas que trabalham por horas diante do computador — há colírios que ajudam a relaxar os músculos oculares e evitar aqueles espasmos incômodos.

É importante ter em mente que alguns desses colírios exigem receita médica e, portanto, antes de tudo o ideal é buscar atendimento oftalmológico.

É seguro utilizar colírios sem receita?

Alguns colírios são de venda livre e, nesse caso, podem ser comprados sem receita na maior parte das lojas. Você deve, antes de tudo, considerar o motivo pelo qual está procurando por um colírio: está com alergia? Essa vermelhidão está durando mais de três dias?

A utilização é segura, desde que não seja utilizada por períodos prolongados, até porque utilizar diariamente pode causar visão embaçada.

O ideal, entretanto, é que você sempre busque orientação médica antes de utilizá-lo, principalmente se o sintoma que quer aliviar está ocorrendo há mais de três dias. Afinal, o oftalmologista pode aconselhá-lo não apenas sobre quantas vezes administrar o colírio e por quanto tempo, como também verificar a sua saúde ocular.

Como utilizar o colírio?

Se o seu cliente nunca utilizou um colírio e não se sente muito seguro em administrá-lo, basta mostrar a ele que é um procedimento bem simples, apresentando esse passo a passo:

1. Lave suas mãos com água e sabão;

2. Agite o frasco do colírio;

3. Retire a tampa;

4. Incline a cabeça para trás, olhando para o teto;

5. Segure o frasco entre o polegar e o indicador e traga até o seu olho, sem deixar encostar no globo ocular;

6. Com o dedo mindinho, puxe para baixo a pálpebra inferior;

7. Aperte o frasco para que a gota caia no olho;

8. Quando o colírio entrar em contato com o olho, solte a pálpebra e feche o olho;

9. Repita o processo no outro olho.

Cuidados na hora de utilizar um colírio

Um dos cuidados que se deve ter na hora de utilizar o colírio é verificar quanto tempo ele pode ser utilizado com segurança depois de aberto o frasco. A data de validade também é importante. Verifique essas informações e mostre ao cliente.

Caso o oftalmologista tenha receitado mais de um colírio ou uma pomada além do colírio, é importante utilizá-los na ordem correta e com um espaço de pelo menos 5 a 10 minutos entre eles.

Outro cuidado é ter atenção para que o conta-gotas não toque o globo ocular ou outra superfície, pois isso pode fazer com que ele pegue bactérias ou germes e causar uma infecção. Pelo mesmo motivo, não se deve compartilhar o colírio com outra pessoa.

Quem usa lente de contato pode pingar colírio nos olhos? 

A resposta para essa pergunta é: DEPENDE!  

Usuários de lentes devem ter muito cuidado com qualquer produto ou substância que entra em contato com as lentes e com os olhos. Colírios lubrificantes comuns (umectantes) são produzidos com substâncias químicas conservadores que podem danificar a lente de contato de grau ou colorida.

Estas substâncias químicas diminuem o tempo útil das lentes de contato, podendo ainda prejudicar a saúde ocular. É por isso que o indicado, então, para lubrificação ocular, é somente o colírio para quem usa lente de contato. 

Apenas uma pequena porcentagem de colírios pode ser usada com lentes de contato. Estes foram produzidos levando-se em conta a natureza química das lentes. Todo tipo de colírio que não é próprio pra lente de contato jamais deve ser pingado sobre as lentes.  

Fizemos uma lista com nome de colírio para quem usa lente de contato. Com estes, seu cliente pode pingar o líquido lubrificante diretamente sobre a lente de contato sem nenhum problema.  

Colírio para quem usa lente de contato:  

  • colírio para quem usa lentes de contatoOptive  
  • Systane 
  •  Lacrifilme  
  • Fresh Tears 
  •  Fresh Tears liquigel  
  • Refresh Genteal 
  •  Ecofilm  
  • Plenigell  
  • Hyabak  
  • Trisorb  
  • Hylo Comd 
  •  Renu gotas umidicantes 
  •  Clean 100 

Diferença entre umectante e solução de limpeza 

Não é incomum que usuários de lentes de contato façam uso da solução de limpeza como se fossem colírios umectantes (lubrificantes para olhos secos).

As soluções de limpeza não causam nenhum mal para a saúde ocular, mas isto não significa que possam ser usadas para tratar ou prevenir quaisquer sintomas. 

 Da mesma forma, o líquido lubrificante não deve ser usado para higienização das lentes de contato, ainda que não lhes cause nenhum dano. Estes produtos possuem cada um a sua função, falaremos mais de cada um deles. 

Umectantes para os olhos: 

Também conhecido como “colírio para olhos secos”. É usado quando o nível de umidade natural dos olhos diminui, produzindo menos fluidos lacrimais, que são os responsáveis por manter a boa lubrificação ocular. Em geral, a umidade dos olhos diminui quando ficamos expostos a claridade por muito tempo, ou quando o tempo está muito seco.  

Mas a sensação de “olhos secos” também pode ser causada por fatores congênitos, efeitos colaterais de medicamentos e alergias. Assim, o umectante serve para reposição destes fluidos e consequente aumento da umidade ocular. Como dissemos antes, há um colírio umectante próprio para usar com lentes de contato e ele deve ser recomendado pelo oftalmologista. 

Solução de limpeza para lentes de contato: 

Os dois principais tipos de solução de limpeza para lentes de contato são a multiuso e a específica para limpeza. A primeira é a mais indicada e também a mais comum. Já a segunda, a específica para limpeza, não deve ser usada para enxague das lentes. 

 As soluções multiuso são as mais indicadas porque possuem em sua composição todos os agentes químicos necessários para limpar, enxaguar, manter e lubrificar as lentes de contato. Além disso, ainda combatem agentes patogênicos oculares, incluindo bactérias e fungos. As marcas mais acessíveis e populares no mercado brasileiro são a Renu Fresh, Bio Soak e a Opti-free. 

Importante! Nunca se deve usar água para lavar lentes de contato! 

Na água há inúmeras bactérias que podem contaminar as lentes de contato. Além deste risco, há também o perigo de ressecar as lentes quando em contato com os sais presentes na água.

Isto acontece por que as lentes de contato são fabricadas com material mais sensível, pois foram feitas para o contato orgânico direto com os olhos. São necessários agentes químicos específicos para a manutenção das lentes.  

É contra indicado reutilizar o líquido das soluções de limpeza! 

É preciso também sempre esclarecer seus clientes de que não se deve reutilizar o líquido da solução de limpeza ou multiuso que já entraram em contato com as lentes. A solução que é usada para enxague – onde as lentes ficam de “molho” no estojo durante a noite – deve ser jogada fora no dia seguinte.

Caso contrário, são grandes os riscos de contaminação. Reutilizar a solução de limpeza pode ser comparado a usar a mesma água para tomar vários banhos. Isto é, perdem a sua função higiênica.

Gostou desse conteúdo sobre colírio para quem usa lente de contato? quer saber mais sobre esse conteúdo? Acesse mais conteúdos do nosso blog e saiba mais!

Categorias

Postagens Recentes