A carregar...
  • R. Misael Pedreira da Silva, 98 - Santa Lucia, Vitória - ES, 29056-940
  • Seg a Sex de 08 às 18h

[Teste caseiro] Como saber se você tem astigmatismo?

astigmatismo||||||||||||||||

Um dos problemas de visão mais comuns é o astigmatismo. Estima-se que essa condição afete 60% dos brasileiros. Quando você vê um número como esse, imediatamente começa a reparar mais na sua própria visão e pensar: será que esse “embaçado” pode ser astigmatismo? Será que eu também tenho, ou vou ter, esse problema de visão?

Talvez você fique surpreso, mas existe um “teste caseiro” que permite identificar sinais de astigmatismo. É claro que ele não substitui (vamos reforçar: NÃO substitui) a consulta com o oftalmologista e os exames clínicos que ele realiza. Somente o oftalmologista pode diagnosticar qualquer problema de visão com precisão. Mesmo assim, pode ser interessante experimentar esse teste, nem que seja apenas como uma curiosidade.

Será que você acha que tem uma visão perfeita mas, na verdade, não é bem assim? E aí, aceita fazer o teste?

 

O que é mesmo astigmatismo?

Antes de passar ao teste, vamos ver, de maneira resumida, o que é o astigmatismo. Esse problema de visão é causado por irregularidades na córnea ou no cristalino, que afetam a refração da luz nos olhos e levam à formação de mais de um ponto focal. Em outras palavras, as imagens se formam em mais de um ponto na retina, o que faz com que a visão fique borrada. Quem tem astigmatismo pode apresentar dores de cabeça e fadiga ocular, entre outros sintomas.

 

Imagem retirada do site http://horp.com.br/

O astigmatismo pode ser uma condição hereditária, mas também pode ser resultado de traumas que causem lesões na córnea. Mesmo microcicatrizes podem acabar afetando a visão. Em muitos casos, o astigmatismo também ocorre associado a outro problema, seja miopia ou hipermetropia.

A boa notícia é que o astigmatismo pode ser corrigido. Existem lentes de contato feitas especificamente para essa condição; são as lentes tóricas. Elas têm um formato especial para ajustar a refração da luz, que é diferente nos vários pontos de um olho astigmático.

 

Teste de astigmatismo

Agora, vamos ao que interessa. Que teste é esse, que você pode fazer em casa, para identificar sinais de astigmatismo? Esse é um teste popular, muito simples e rápido; tudo que você precisa fazer é seguir as instruções abaixo.

Primeiramente, posicione-se. Sente-se a uma distância de um a três metros da tela do computador. É melhor fazer esse teste em um aparelho com a tela grande; evite celulares e tablets. Se estiver usando óculos ou lentes de contato, retire.

Tampe o olho direito e olhe para as imagens abaixo usando apenas o olho esquerdo. Repita, em seguida, com o outro lado.

 

teste de astigmatismo

 

teste de astigmatismo

 

teste de astigmatismo

Agora, responda: como você enxerga as linhas de cada figura?

A resposta para quem não tem astigmatismo é que as linhas são todas exatamente iguais.

Já para quem tem algum grau de astigmatismo, as linhas podem parecer diferentes: algumas mais escuras do que as outras, algumas mais grossas. O motivo é que, como a refração da luz é diferente nos vários pontos do olho, a imagem que se forma de cada linha também vai ser. Isso pode passar despercebido quando você está observando uma imagem composta de vários elementos, mas fica mais fácil notar quando você observa uma imagem composta por um único elemento (as linhas) que se repete.

Perceba que você pode ter astigmatismo em um olho, mas não no outro. Esses casos, especialmente se o grau for baixo, também passam despercebidos, porque acontece uma certa “compensação” na visão.

 

Recomendações finais

Esse teste caseiro dá um sinal de que você pode ter astigmatismo. Mas ele está longe de ser capaz de fazer um diagnóstico conclusivo, especialmente porque ele não pode indicar qual grau de astigmatismo você tem. Por isso, nada de pular aquela visita ao oftalmologista!

Além de avaliar a condição da sua visão, ele também vai poder indicar as lentes de contato mais adequadas para corrigir o problema, acompanhar o processo de adaptação e ensinar quais são os cuidados que você deve ter com as lentes. O acompanhamento desse profissional é mesmo indispensável! A boa notícia é que você não precisa se preocupar: mesmo com o astigmatismo, é possível alcançar uma qualidade de visão – e de vida – completamente normal.

Agora, que tal aproveitar para conhecer as lentes da Central Oftálmica para astigmatismo? São quatro diferentes opções:

 

Cada uma delas tem especificações técnicas diferentes, mas todas compartilham algo em comum: a qualidade. Então, faça uma visita ao site e escolha a que combina mais com você e seu estilo de vida. Depois de escolher, não se esqueça de solicitar as lentes Central Oftálmica no consultório ou ótica da sua confiança!

[dt_divider style=”thick” /]

 

Gostou desse conteúdo? Acesse nosso Blog para mais dicas sobre saúde ocular ou Confira outros artigos para deixar a sua visão sempre saudável!

Check-up ocular: o que é e quando devo fazer

Consulta com Oftalmologista: quando é hora de marcar?

10 Bons alimentos para a saúde dos olhos

7 Sintomas de que você precisa visitar um Oftalmologista

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*